GastronomiaRural

O Vinho do Papa vem de Jundiaí

Nenhum comentário

Alem de ter o Vinho do Papa, Jundiaí também é conhecida nacionalmente como a Terra da Uva, pois aqui surgia, em 1933 em plantas de Niagara Branca, na propriedade de  Antonio Carbonari, a mutação somática para a Niagara Rosada.

Primeiramente, é preciso dizer que a cidade de Jundiaí, atualmente, possui 20 adegas produtoras de vinho. Além disso, são diferentes tipos de vinho muitos deles produzidos tradicionalmente há mais de 100 anos.

Enfim, a produção de vinho chegou à cidade na bagagem dos imigrantes italianos que aqui se instalaram, no final do século XIX.

Que historia é essa de Vinho do Papa?

A famosa Adega Maziero é conhecida por ter o Vinho do Papa. É uma fama que vem desde 2007, quando o Papa Bento XVI escolheu o vinho rosê suave do local para celebrar a missa de sua vinda ao Brasil.

Leia também:
A Serra do Japi no Interior Paulista 
Fazenda Histórica de Café em Jundiaí
Os lugares mais subestimados de São Paulo

“Uma comissão de bispos veio até aqui e colheu uma amostra do vinho, depois de análises, o vinho foi escolhido como o que mais tinha pureza”, como disse Clemente Natal Maziero, filho do Sr. Pedro Maziero.

Já na segunda vez a indicação foi feita por padres, que levaram o vinho até Aparecida, onde a missa pelo Papa Francisco seria celebrada, e o vinho foi novamente selecionado.

Definitivamente, os rótulos escolhidos para um almoço foram os vinhos Moscato Seco e Bordô Seco e para a celebração foi o Rosé.

A Adega Maziero

A família Maziero chegou ao Brasil em 1888 e está na terceira geração. Logo depois de imigrar, foi encaminhada para a cidade de Araras, onde deveria trabalhar nas fazendas de café da região. Após alguns meses, morando em Araras, João Maziero recebe a visita do então amigo e companheiro de viagem Leopoldo Mingoti, que havia sido deslocado para o trabalho nos cafezais de Jundiaí, Leopoldo oferece a João terras em Jundiaí, na região conhecida hoje como Caxambu.

Esse é o começo de uma história de criação da adega está localizada em umas das Rotas Turísticas de Jundiaí, a Rota da Uva.

A venda do vinho começou em 1954, quando Pedro Maziero, ainda criança, resolveu vender parte do vinho produzido na propriedade. A partir daí, a família além de comercializar uvas, passou a produzir vinho mantendo a tradição.

Conheça Jundiaí

Jundiaí é uma cidade muito próxima à capital do estado de São Paulo, mas o ar interiorano ainda é preservado. Sua importância histórica que remonta o ciclo do café e a cultura da uva a torna bem especial.

Vinho do Papa

Para não perder nenhum detalhe, que tal fazer um passeio com um Guia de Turismo? Além de usar seu tempo da melhor forma, você ainda terá a oportunidade de ver o que não está muito claro aos olhos, de ter uma maior sensação de segurança para que a preocupação esteja mais em curtir o lugar, em fazer bons cliques e aproveitar a companhia.

Que tal? Boa passear…

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Posts relacionados

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.
O Velhão. Uma Viagem Dentro de São Paulo
A Serra do Japi no Interior Paulista

Posts recentes

Menu